Como nosso papo nesta coluna sempre rodeia o e-Social, hoje trago uma discussão simples e interessante acerca do e-Social em postos de combustíveis: a importância do planejamento para a revenda. Como está seu plano de negócios, seu preço final, qualidade de serviço e produtos? Como você mensura todos os seus planejamentos e como controla se está em dia com as exigências legais?

O Governo Federal está sempre lançando novos prazos e atualizações, ele mesmo está descobrindo o dimensionamento da nova exigência. Vejo muitas empresas se tranquilizando com as atualizações de prazos, mas, como estão os planos de aplicação e modificações do sistema?

Pensemos, o Governo não adiaria um prazo se a aplicação fosse simples. O mesmo tem consciência de que as novas adequações são extremamente subjetivas e que necessitam de aplicações de novos conceitos de gestão para melhoria de processos e adequação na nova plataforma, e sabe que isso demanda tempo.

Não nos deixemos enganar pelo “novo prazo”, por mais que pareça uma colher de chá, é apenas uma concepção da subjetividade e profundidade que a migração traz consigo.

É hora de arregaçarmos as mangas e planejarmos nossa migração, nossos planejamentos, focados na inovação e promoção de um novo mercado, diferente, que se destacará frente a concorrência. Dê valor ao negócio, à sua gestão e colaboradores. Não esperemos sentados a cada prazo novo que o e-social soltar no seu meio de comunicação para que façamos algo novo, para que algo seja colocado em prática.

Para fazer a diferença, é necessário novas abordagens e novas aplicações. Nossos postos são laboratórios da nova era tecnológica que aborda o trabalho de maneira diferente, sustentável. Desejo a todos um bom planejamento, e que os novos métodos de gestão façam a diferença onde sua revenda se fizer.