Períodos tensos ocorrem em qualquer negócio, e não seria diferente em se tratando de postos de combustíveis. A concorrência fica acirrada e o menor detalhe pode significar “fechar as portas”. Muitos revendedores acabam entrando na famosa guerra de preços, uma estratégia desgastante e que na maioria das vezes, não surte o efeito esperado: abaixar o valor do produto para equiparar ao do concorrente não é a melhor solução.

Clientes são sensíveis ao preço, mas também a outros diferenciais e é sobre isso que trataremos no artigo de hoje.

Acompanhamos no ClubPetro vários clientes que passaram pela guerra de preço e muitos deles viram seus números aumentarem sem precisar sequer alterar sua margem: 15, 25 e 30 centavos foram diferenças mantidas durante o período da guerra de preço.

Isso seria o mesmo que dizer que com ClubPetro o revendedor pode apenas se sentar e relaxar enquanto atravessa um período de guerra de preço? Não! Muito pelo contrário, é uma época de muito trabalho onde você pode adotar várias estratégias.

Primeiro, o que passa na cabeça do consumidor nesse período? O preço está caindo a cada dia, será um golpe ou a qualidade do combustível é questionável? Para quem está de fora a guerra não tem o mesmo significado, por isso se colocar no local do consumidor faz toda a diferença.

Como em qualquer mercado, o cliente quer confiar no revendedor e no produto que ele fornece, e essa confiança agrega mais valor ao seu produto e sua margem pode ser mais alta que a concorrência: isso porque o cliente quer comprar no SEU posto!

E é aí que o ClubPetro Fidelidade atua. Auxiliamos nessa relação do cliente com a sua loja. Um cliente fidelizado vai tolerar margens significativas de preço para preferir seu posto, porque encontra benefícios na sua empresa que não tem no concorrente.

Tudo começa com um pão de queijo que ele resgatou com pontos, em seguida várias lavagens do carro. Ele pode abastecer e não se preocupar mais com esses cuidados porque você está lá para atendê-lo. Ele começa a confiar na loja, e isso não tem preço.

Então como proceder na guerra de preço?

É um período de instabilidade no mercado, os consumidores estão perdidos e buscando alguém para confiar, estenda a mão para eles! Dê um lanche e um cafezinho, faça com que queiram sempre retornar, e então, quando os concorrentes já estiverem sem opções, esses novos clientes já estarão em sua loja.

  • Invista no seu cliente: 

Sai mais em conta do que abaixar o preço. Então comece uma campanha CRM, busque prêmios que agradem aos clientes do seu posto para impedir que eles deixem sua loja e lembre-se do treinamento dos seus frentistas – preste muita atenção nessa parte, o frentista é a chave do sucesso do programa, é ele quem faz a mágica acontecer, então faça seu cliente se sentir em casa através do seu frentista!

  • Controle diariamente seu preço:

Os pontos também têm custo, não se esqueça disso, porque o consumidor não vai esquecer! Abaixar um pouco o seu preço é uma estratégia interessante para atrair novos clientes, mas a ideia aqui é não deixar nenhum ir embora sem se cadastrar no programa.

O cliente não vai saber porque escolher sua loja se isso não for claramente dito a ele. Coloque banners e renove o visual do posto, agregue valor ao ambiente.Quer saber mais sobre como superar uma guerra de preço com 20 centavos acima da concorrência? Deixe seu contato que ligaremos para você!

10 erros fatais que você não pode cometer no seu posto!